Jonas Von der Burg, O Homem Por Trás dos Clássicos de September

O site September conversou com Jonas Von Der Burg, o homem por trás dos sucessos de September, Cry for You e Satellites, e produtor e escritor dos três primeiros álbums da cantora.

Ele revelou curiosidades sobre o seu trabalho com September, como quando conheceu Petra e como foi esse encontro. Você pode ler isso abaixo!

 

A ENTREVISTA

September Brasil: Olá, Jonas. Você está no cenário musical há bastante tempo. Mas quando exatamente você começou a trabalhar com música?

Jonas VDB: Ei! Eu comecei em 1990.

September Brasil: Seu primeiro sucesso e talvez um dos maiores foi o hit mundial “Here we Go”, do Stakka Boo, em 1993. O mundo da música mudou bastante desde então. E seu trabalho, mudou muito ou ainda é similar ao que era antes?

Jonas VDB: É bastante similar. A diferença principal é a questão técnica, eu acho.

September Brasil: Quais são suas maiores influências na música? E seus cantores e produtores favoritos hoje em dia?

Jonas VDB: Minha maior influência  e produtor favorito foi e continua sendo Trevor Horn. Ele é genial! Cantores… Hum, isso varia. Não tenho favoritos, mesmo.

September Brasil: A Suécia é a terra do bom pop. O que é diferente por aí?

 Jonas VDB: Nós somos muitos bons em fazer boas melodias pops. Acho que é pelo fato de sermos bastante melancólicos e por termos uma tradição de músicas melancólicas.

September BrasilVocê trabalhou com muitos artistas bem-sucedidos em sua carreira, como o “Ace of Base”. Mas também esteve junto a jovens que encontraram sucesso ao seu lado, como Danny, Nexx e, claro, September. Qual trabalho é mais difícil?

Jonas VDB: É muito mais divertido levar um novo artista ao sucesso – mas muito mais difícil – porque há mais barreiras a serem quebradas por você.

September BrasilDá pra escolher uma música especial produzida por você?

Jonas VDB: Eu sou especialmente feliz por  “This is the world”, do Alcazar.O resultado foi bom. “Cry for you” também é uma de minhas favoritas.

September Brasil: Falando em boas canções… Existem alguma música que você pensou que seria um grande hit, mas que não foi nem mesmo lançado? Eu me lembro de “Leave it all Behind”…

Jonas VDB: Sim, posso dizer isso. Eu tenho algumas canções que eu penso que poderiam ser hits. Agora que eu criei a minha própria gravadora, 4 On The Floor, junto à minha mulher, Jeanette von der Burg, e à empresária de September, Victoria Ekeberg, vai ser mais fácil de lançar músicas nas quais acreditamos.

September BrasilVocê, Niklas Von Der Burg e A. Baghavan formaram com September a excelente time. Como você a conheceu?

Jonas VDB: Eu queria, à época, criar um novo projeto dance e perguntei a Anoo Bhagavan e a Niclas von der Burg se eles queriam escrever algumas músicas comigo. Muitos acreditam que somos um time que escreve e compõe junto, mas não é exatamente isso. A gente só escreve junto, e eu produzo as canções.

Eu testava tentando encontrar um novo artista em meu estúdio. Eu conheci muitos cantores (as), mas não estava satisfeito. Então, eu contatei  Victoria Ekeberg, que me apresentou Petra Marklund, que viria a se tornar September. Todo mundo sabe o que aconteceu depois…

September BrasilE como sabemos! Bem, depois de dominar o mundo, Cry For You se tornou o maior sucesso produzido por você, talvez. Como foi a composição desse grande hit?

Jonas VDB: No começo, a faixa era totalmente diferente. O tempo era bem mais lento e o refrão não aparecia até o fim do segundo verso. A gravadora queria lançar aquele primeiro rascunho, mas eu disse não. Eu queria dar uma levantada na música antes, e mudar algumas coisas.

September Brasil: Funcionou muito bem!  A gente também poder ouvir alguns samples em suas músicas, como o de “Bette Davis Eyes” em “Midnight Heartache” e o de “Bronski Beat” em Cry For You. Você parece gostar de recriar músicas antigas. Conte um pouco mais sobre isso para nós…

 Jonas VDB: Em”Midnight Heartache” eu incluí a parte de guitarras de  “Bette Davis eyes” mas em “Cry For You” podem existir algumas similaridades, mas não tínhamos ideia. Não foi intencional.

September BrasilInteressante! Muitas pessoas pensam  que se trata de um sample… Mas, mudando de assunto, quais são as músicas das quais você mais se orgulha de ter escrito para September?

Jonas VDB: “Cry For You”, claro, “Just An Illusion”, “Because I Love You“, “Looking For Love”,  “September All Over”… Minha esposa ama “Until I die” e “Flowers On The Grave”…

September BrasilEm muitas canções escritas por você para September, o tema principal é a luta contra o sofrimento e a morte, como nas brilhantes “Rest in Peace”, “Until I Die” e “Flowers on the grave”. É uma preferência ou isso se adequa ao estilo de September?

Jonas VDB: Como disse antes, a gente é bastante melancólico na Suécia, e realmente a música triste se adequa ao estilo de September e ao som.

September Brasil: A gente pôde ver no último album de September, Love CPR, algumas diferenças com relação aos três primeiros. Por exemplo, nos outros você produziu todas as canções. Desta vez, você só escreveu e produziu três delas com o seu time. Foi mais difícil escrever para September num álbum com tantos produtores?

Jonas VDB: Na verdade, eu escolhi escrever só 4 músicas (3 entraram no álbum). Era a hora de continuar com outros projetos.

September Brasil:  “Walk Alone” e “Something’s going on”, duas das novas canções, são pérolas do pops. Qual é a história por detrás delas? Você pensou em algo específico enquanto compunha?

 Jonas VDB: Não, na verdade eu só escrevo e produzo canções que eu sinto em meu coração que são boas…

September Brasil:  Apesar de ser a favorita entre os fãs, “Something’s going on” foi um pouco criticada por causa do uso excessivo de autotune. Por que escolheu usá-lo desse modo?

Jonas VDB: Eu realmente gosto do autotune como um instrumento…

September Brasil: Você é certamente uma máquina sueca de criar hits. September, Danny, Gathania, Alcazar… Qual é a chave desse sucesso? São os refrões pegajosos? São os hooks(ganchos)? Pode dizer ao mundo?

Jonas VDB: São os hooks e o sentimento das músicas. É difícil descrever…

September Brasil: Os fãs sempre querem saber se você tem planos de trabalhar de novo com September… A gente pode esperar por isso?

Jonas VDB: Talvez no futuro. A porta não está fechada.

September Brasil: Quais são seus projetos para 2011? Você vai trabalhar em algum álbum de um artista sueco?

Jonas VDB: Como mencionei antes, a gente acabou de criar uma nova gravadora e estamos trabalhando nisso. Conheça o nosso novo projeto Sojo, e o single “I remember” no YouTube. É só o começo…

September Brasil: Obrigado pela entrevista, Jonas. Continue o bom trabalho de sempre!

Jonas VDB: Obrigado por escutar e gostar do meu trabalho.

Anúncios

Publicado em agosto 11, 2011, em dancing shoes, interview, Love CPR, september e marcado como , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Achei ele mais simpático que a própria Petra =P
    Boa entrevista 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: